Curta a nossa pagina no facebook !!!






domingo, 30 de outubro de 2016





Brasileiro elege o Brasil como destino de suas férias

Viagens dentro do próprio estado são a opção de 63% dos turistas. Viagens de carro lideram a preferência nacional.

                                                                           Divulgação

Com objetivo de mapear o perfil dos viajantes brasileiros, interesses, comportamento e se antecipar à demanda no setor de comércio e serviços, a sexta edição da pesquisa da Fecomércio RJ/Ipsos mostra que os brasileiros não só elegeram o próprio Brasil como destino principal mas viajarão, majoritariamente, dentro do próprio estado.

O levantamento indica que 26% dos brasileiros fizeram ou farão alguma viagem em 2016, alta de 1 ponto percentual na comparação com 2015. A preferência dos brasileiros neste ano é para viagens dentro do próprio estado, destino informado por 63% dos viajantes. O turismo para outros estados do país é a opção de 37% dos que vão viajar. Já as viagens internacionais foram informadas por 4%, o que demonstra relativa estabilidade em relação a 2015, quando o percentual foi de 3%.

Diante da escolha por viagens dentro do próprio estado, pelo segundo ano consecutivo, o carro ultrapassou o ônibus como o meio de transporte mais utilizado, preferência de 51% dos viajantes, uma alta de 10 pontos percentuais quando comparada ao ano anterior. Com certa estabilidade em relação ao ano passado, o ônibus aparece como a opção de 41% dos viajantes. Já a opção pelo avião caiu 5 pontos percentuais em relação a 2015, sendo o meio de transporte escolhido por 13%.  
Qualidade dos serviços
A sondagem apontou ainda a avaliação dos brasileiros sobre a qualidade dos serviços oferecidos. De maneira geral, em média, a constatação é que a qualidade permanece estável em quase todos os serviços analisados quando comparada a 2015, com percepção de melhorias em apenas dois itens: rodovias e infraestrutura de telecomunicações. O pior conceito foi para segurança, que recebeu nota 3 em 2016, mesmo conceito de 2015, mantendo a pior posição na série histórica para este item.  

Entre os motivos para viajar, em primeiro lugar aparece o item Lazer e férias, que segue na liderança do ranking desde o início da série histórica, razão apontada por 53% dos viajantes. A visita a parentes e amigos aparece em segundo lugar, com 43%, e as viagens por motivos profissionais ou a negócios foram informadas por 11%.
Em relação ao tipo de hospedagem, a casa de parentes e amigos é a opção de 66% dos viajantes, seguida por hotéis ou pousadas, com 27%, o maior índice da série para este item.  Já 12% dos viajantes preferem ficar em casa ou apartamento, próprio ou alugado. 

“Em um cenário econômico como o deste ano, o empresário do comércio de bens, serviços e turismo do país tem na pesquisa Fecomércio RJ/Ipsos subsídios importantes ao seu planejamento. A paisagem e a cultura regionais estão em alta na tomada de decisão do viajante brasileiro, também preocupado com a variável ‘preço’. É um consumidor que quer conhecer melhor seu estado, aproveitar suas férias e manter as contas em ordem”, afirma Christian Travassos, gerente de economia da Fecomércio RJ. 

A pesquisa foi realizada pela Fecomércio RJ/Ipsos, no período de 14 a 30 de julho de 2016, com amostra de 1200 entrevistados no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Vitória, Florianópolis, Salvador, Recife e em mais 65 municípios brasileiros.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Gostou? Faça o seu comentário.